Postagens

Mostrando postagens de Março, 2014

Desejo de paz

Imagem
Olívia de Cássia – jornalista
De vez em quando bate na gente aquele sentimento indefinido: um misto de saudade, tristeza, indignação e descontentamento. 
Nesse momento é hora de a gente não se deixar abater; colocar um sorriso no rosto, pensar positivo e acreditar que podemos mais.
Sou feliz agora, desde quando deixei de acreditar em mentiras, enganações e falácias. A gente precisa acreditar que pode ser mais forte, mais equilibrada e não se deixar abater por aquele sentimento que não vale mais a pena sentir.
Não adianta querer mudar uma situação irremediável, uma causa perdida e sem jeito. Um dia eu quis acreditar que isso poderia acontecer numa determinada situação, mas devemos nos conscientizar de que precisamos acreditar que podemos fazer e ser melhores do que fomos antes, sem mágoas e sem apelação.
Me pego pensando nas besteiras que passei em tempos passados e em no quanto fui imatura querendo forçar uma situação que não tinha mais jeito. Talvez não tenha sido tanto a incompr…

Turismo sexual será debatido na Barra de Santo Antônio

Imagem
Evento é promovido pela Secretaria da Mulher do município, entidades civis e religiosas Olívia de Cássia - Repórter No sábado próximo, 29, a Secretaria Municipal da Mulher da Barra de Santo Antônio, entidades civis e religiosas, com apoio da Prefeitura local e da Tribuna Independente, encerram as comemorações do mês da mulher com um debate que terá como tema o Turismo Sexual na Copa do Mundo, que acontece no próximo mês de junho. O objetivo é alertar as autoridades do Estado para esse problema, que está na ordem do dia das discussões das entidades civis e dos governos.  Segundo os organizadores do evento, as comidas típicas, praias, monumentos históricos e festas, não são as únicas atrações turísticas procuradas por estrangeiros. “A imagem da mulher brasileira, associada à sensualidade, colabora para o aumento do turismo sexual no Brasil, especialmente no Nordeste.  Precisamos unir nossas forças para alertar nossa comunidade contra esse e outros abusos e proteger nossas jovens de turistas…

Minha mãe Antônia

Imagem
Olívia de Cássia - jornalista
Minha mãe era uma pessoa obstinada e cética em alguns casos. Quando queria uma coisa ia à luta e ai de quem se atravessasse no caminho dela, principalmente se o objetivo fosse com relação aos filhos.  Se algum menino se aproximasse de mim, ela não contava história: ia na casa dele e falava com os pais, para pedir que se afastassem de mim. Ela era assim, possessiva.  
Quando terminei o ginásio, no Colégio Cenecista Santa Maria Madalena, em União dos Palmares, da mesma forma que ela tinha feito com relação aos meus irmãos, conseguiu uma bolsa de estudos para mim, com a esposa de seu Ezíquio Correia, então prefeito de União, para que eu estudasse em Maceió e pudesse ter um trocado para pagar a passagem do ônibus e o lanche.
Vim estudar na Escola Moreira e Silva, no Cepa, para fazer o Científico, pois queria fazer vestibular e m União, naquela época, só tinha o curso normal, o pedagógico. Terminei a oitava série ginasial em 1975 e em 76 já estava na escola,…

Felicidade...

Olívia de Cássia Correia de Cerqueira
Felicidade é um estado de espírito Felicidade é o que sinto agora, Quando me sinto completa. Um preenchimento espiritual, Alimentado pela satisfação Do meu trabalho, do que eu posso Informar, formar e transmitir...
Alegria por ser eu mesma, Sem disfarces, sem temor. É tarde, o sol já vai se pondo E vejo meus dias de ocaso Se aproximarem, é a vida. Do nada eu vejo tudo Estou bem, é a vida...

Veterinários, protetores e donos querem cemitério para animais

Imagem
Fotos: Adailson Calheiros Olívia de Cássia – Repórter A relação do homem com os animais de estimação é muito antiga e quem os tem em casa cria laços de afeto e amizade. Atualmente, são tratados como membros da família, recebendo todo carinho e atenção. Só quem tem animal em casa e os ama pode entender essa relação de cumplicidade e afeto. Mas como fazer quando esses laços são interrompidos intempestivamente pela morte do amigo e companheiro de tantos anos e não se tem um local apropriado para colocar o corpo?  A reportagem daTribuna Independentefoi ouvir proprietários, cuidadores e veterinários sobre a falta de cemitérios para animais na capital alagoana, que já dá mostras de crescimento populacional, mas falta urbanidade em alguns aspectos. Todos os personagens ouvidos nessa matéria reclamaram a falta desse serviço e o problema que acarreta à saúde pública, quando os animais mortos são jogados e deixados em terrenos baldios, contaminando o meio ambiente. O problema vem se acentuando e é …

Tribuna Independente chega à edição nº 2.000, apesar das dificuldades

Imagem
Edição significa a vitória de todos os que fazem o jornal, com trabalho e dedicação Olívia de Cássia – Repórter Nesta sexta-feira, 21, a Tribuna Independente chega a sua edição número 2.000, apesar das dificuldades e entraves que tem enfrentado no dia a dia.  A Tribuna é o principal carro-chefe da Jorgraf (Cooperativa dos Jornalistas e Gráficos de Alagoas), que completa sete anos no próximo mês de julho. Para o presidente Antonio Pereira, chegar a esta edição do matutino é um marco histórico: “Em nível mundial nós somos uma cooperativa única que reúne duas categorias: jornalistas e gráficos, e eu não conheço na história do Brasil nenhuma que tenha tido uma periodicidade tão permanente como a nossa”, argumenta. Segundo Pereira, a edição desta sexta-feira da Tribuna Independente “é uma data histórica, por conta de todo esse processo que nós vivemos. Toda e qualquer empresa  tem suas dificuldades,  momentos de insatisfação  e estresse; todo empreendimento sofre altas e baixas, ainda mais nós…

Impossível não se apaixonar pelo Sertão

Imagem
Olívia de Cássia – Repórter
Eu ouvia algumas autoridades falarem e ressaltarem as belezas do Sertão, mas só conhecia aquela realidade dos livros e dos noticiários: de terra seca, clima semiárido, plantações mortas;  apenas a palma servindo de alimentação para o gado; solo empobrecido e da luta dos sertanejos pela sobrevivência, reforçando aquela tese de que “o sertanejo é sobretudo um forte”.
Nascida na Zona da Mata, na Terra da Liberdade, até então eu não tinha ido aqueles lados, de onde, segundo minhas pesquisas, vieram os meus primeiros ancestrais se espalhando por Capela, União dos Palmares, Murici, Branquinha, Atalaia e pelos rincões desse país.
Ano passado, por motivo de trabalho, comecei a conhecer algumas cidades sertanejas e fui me encantando aos poucos pela região. O Sertão alagoano tem riquezas e belezas variadas e só precisa que os governantes tenham um olhar especial pelo local.
Este ano tive o privilégio de fazer meu primeiro passeio pelos cânions do São Francisco, co…

Alimentação saudável e atividades físicas podem prevenir surgimento do câncer

Imagem
Ações de promoção à saúde e de prevenção às doenças surtem efeitos positivos Olívia de Cássia – Repórter Escolhas saudáveis na alimentação e nas atividades do dia a dia são medidas importantes de a gente se proteger contra o câncer, segundo os especialistas.  Eles avaliam que o indivíduo que pratica atividade física regularmente terá uma vida mais saudável do que os sedentários. Segundo o professor de Educação Física e personal treiner Alysson Nobre, evidências científicas vêm sendo acumuladas mostrando que a atividade física é uma forma primária de prevenção do câncer. “Pesquisadores acreditam que isso seja devido ao fato de o exercício auxiliar o conteúdo do colo a se mover mais rapidamente, mantendo as pessoas magras e diminuindo o nível sanguíneo de insulina e triacilglicerol, ocasionando um ambiente metabólico menos favorável ao tumor”, observa. Segundo Alysson Nobre, homens fisicamente ativos apresentam uma redução de 30 a 40% na redução do risco do câncer do colón, “pois a atividad…

Calendário escolar do Estado e do município foi adaptado por causa da Copa

Imagem
Divulgação Escolas da rede particular também vão se adequar ao período de jogos da Seleção Brasileira Olívia de Cássia - Repórter Este ano o calendário nas escolas do Estado, do município de Maceió e das universidades foi alterado por conta dos jogos da Copa, que terá início no próximo mês de junho. As escolas da rede particular também elaboraram o seu calendário de acordo com suas próprias demandas, segundo Bárbara Heliodoro  Costa e Silva, presidente do Sindicato das Escolas de Ensino Particular do Estado (Sinepe\AL). A Tribuna Independente apurou que existem quatro calendários na rede particular de ensino que as escolas podem se adequar e algumas vão compensar suas aulas no sábado. Nos dias de jogos do Brasil não haverá aulas, a exemplo das escolas públicas. “O calendário escolar está na proposta pedagógica de cada escola que segue a Lei de Diretrizes e Bases (LDB). São 200 dias letivos e 800 horas de aula no ano”, observa Bárbara Heliodoro. Ela destaca que este ano houve a necessidade …

Jornalista Valmir Calheiros é sepultado em clima de emoção

Imagem
Fotos: Sandro Lima Amigos ressaltam o legado deixado pelo historiador, pesquisador e profissional ético
Olívia de Cássia – Repórter
Em clima de muita emoção e saudade, o jornalista Valmir Calheiros de Siqueira foi sepultado na tarde desta sexta-feira, 14, no Cemitério Nossa Senhora Mãe do Povo, em Jaraguá, depois de ter sido velado no Sindicato dos Jornalistas (Sindjornal), no bairro do Prado, durante toda a manhã e parte da tarde.

Valmir Calheiros faleceu em decorrência de problemas cardíacos aos 69 anos de idade. Familiares e amigos se despediram lembrando o legado que ele deixa; o amor pela profissão, as muitas histórias que contava e seu acervo histórico sobre o jornalismo alagoano.  O jornalista e pesquisador teria escrito pelo menos dois livros, que deixou praticamente prontos para serem editados.  
A presidente do Sindicato dos Jornalistas, Valdice Gomes, disse que ainda não consegue mensurar a perda para o jornalismo alagoano com a partida do amigo. Segundo ela, o Sindicato já…